Equipe de Nova Friburgo vence a categoria Projeto de Inovação em torneio de robótica

Publicado: Última atualização em 165 visualizações

Equipe Sesi Firjan Titãs da Serra apresentou o projeto para alimentar semáforos da cidade através de energia solar da etapa regional do FIRST LEGO League 

Com o tema “Como será o futuro da energia?”, 38 equipes de todo o estado do Rio de Janeiro foram desafiadas a construir um novo caminho para o futuro da energia, através da criação de robôs feitos com peças Lego e da elaboração de projetos de iniciação científica, entre dias 7 e 8 de dezembro, na etapa regional do Torneio SESI de Robótica FIRST LEGO League (FLL) na Escola Firjan SESI Duque de Caxias.

Depois de dois anos sendo promovido em formato on-line, por conta da pandemia da Covid-19, o torneio voltou a ser realizado em caráter presencial e o público pôde sentir toda a animação gerada pela competição. Em sua fala de encerramento, Alexandre dos Reis, diretor executivo da Firjan SENAI SESI, destacou que o objetivo da instituição é garantir com que a Robótica cresça cada vez mais na instituição e se dirigiu, em seu discurso, aos alunos.

“Independente de competições e medalhas, é importante que a Robótica esteja em nossos currículos. Agradecemos a unidade Caxias, que nos recebeu pela segunda vez, e a todas as escolas e equipes participantes. Vocês, alunos são de grande competência, educação e flairplay. Tudo o que fazemos, professores, mentores, coordenadores, diretores, é para dar a vocês a melhor educação possível, para que vocês sejam o futuro, para que vocês transformem a sociedade e façam um mundo melhor”, declarou Reis.

A equipe friburguense Titãs da Serra, da Escola Firjan SESI Nova Friburgo, apostou no projeto “Solarseg”,  que tem como objetivo promover autonomia dos blocos semafóricos da cidade,  utilizando como fonte de alimentação as placas solares, para incentivar o uso de energias reutilizáveis e sustentáveis, além de reforçar a segurança e melhorar a mobilidade urbana, com a solução das falhas na distribuição elétrica. A equipe levou o 1º lugar na categoria Projeto de Inovação, que é a pesquisa científica que cada grupo precisa realizar para trazer soluções para o desafio da temporada. O grupo identifica um problema para resolver; cria uma solução para o problema da sua comunidade; compartilha suas ideias, aprende com outras pessoas e melhora a solução proposta a ser apresentada em um evento.

“O projeto tem um impacto direto na vida dos motoristas e pedestres que acabam expostos a riscos quando ocorrem apagões e picos de energia. No momento em que isso acontece, os sinais desarmam e geralmente ficam piscando intermitentemente em amarelo e em outros casos apagam por completo. Esse fato ocasiona um caos no trânsito, prejudicando a mobilidade urbana, e, consequentemente, aumentando a taxa de acidentes”, conta Tatiana Gomes,  gerente operacional da Firjan SENAI SESI Nova Friburgo.

Para chegar a essa solução, os estudantes Estevão Porto Guimarães, Evelyn Barroso de Lima, Joana Almeida C. Bastos, João Victor Penin Caldeira, Pedro Vallegros de Oliveira Rodrigues e Vitória Knupp Carpi visitaram a Secretaria Municipal de Ordem e Mobilidade Urbana do município, onde conheceram o sistema da “Cidade inteligente”, local de monitoramento e acompanhamento desses sistemas e de outros recursos. De acordo com as informações coletadas, nos últimos 5 anos foram registradas cerca de 36 quedas ou interrupções de energia a cada período de 12 meses, com destaque para o ocorrido em 2021 que teve uma falta de energia que durou cerca de 4 h e 19 min, segundo os dados apresentados pelos representantes da unidade.

“Diante dessa questão, iniciamos a construção de um sistema desenvolvido com uma placa solar (transforma energia radiante proveniente da luz solar em energia elétrica) que é armazenada em uma bateria, com o objetivo de substituir a energia proveniente da rede de distribuição tradicional”, comenta Jaqueline Tinoco, pedagoga da Escola Firjan SESI Nova Friburgo.

“Conquistar o 1º lugar com um projeto dessa relevância é muito gratificante. Nos empenhamos muito na construção desse projeto e em todas as questões que envolvem esse tema”, finaliza João Victor Penin Caldeira, aluno da Escola Firjan SESI Nova Friburgo.

Saiba mais sobre o Torneio SESI de Robótica FIRST LEGO League (FLL). 

Acesse o grupo de Whatsapp do EcoSerrano através do link: https://chat.whatsapp.com/Ko3N4xTBbHo53tmZ5HtpAb

Redes Sociais do EcoSerrano:
Instagram: @ecoserrano
Facebook: @ecoserranoo

Youtube: EcoSerrano

Texto escrito por Naiara Rentes/Firjan

Deixe um comentário

* Ao utilizar este formulário, você concorda com o armazenamento e manuseio de seu nome, e-mail e IP por este website.

Matérias Relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Aceitar Privacidade

Políticas de Privacidade e Cookies
error: Content is protected !!